Início do conteúdo

24/10/2017

Material sobre vetores da doença de Chagas no Brasil está disponível

Por: Lucas Rocha (IOC/Fiocruz)


Com o objetivo de multiplicar o conhecimento sobre os vetores da doença de Chagas no país, pesquisadores do Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz) lançaram, recentemente, versões atualizadas de importantes materiais sobre o tema: o Atlas Iconográfico dos Triatomíneos do Brasil e os blocos de cartões ilustrados Vetores da doença de Chagas no Brasil. O conteúdo reúne ilustrações, dados sobre a morfologia dos insetos, tamanho, habitat e ciclo de vida, além de mapas sobre a diversidade e distribuição geográfica das 66 espécies de barbeiros registradas até o momento no país. Pesquisadores, professores, agentes de saúde e pós-graduandos podem receber o material didático gratuitamente. Para solicitar, basta enviar email para jjurberg@ioc.fiocruz.br informando nome, instituição de origem, endereço e o material a ser recebido. Serão disponibilizados até 5 mil exemplares do Atlas e 8.500 blocos dos cartões ilustrados. Clique aqui para ler a matéria na íntegra


 

Cartões foram distribuídos no Pará e Sul da Bahia

Os blocos de cartões ilustrados foram distribuídos durante o Projeto Saúde Silvestre e Inclusão Digital em 2015, 2016 e 2017 para Agentes Comunitários de Saúde e escolas de 27 comunidades pólos da Reserva Extrativista Tapajós Arapiuns e no Sul da Bahia (Olivença, Itacaré e Serra Grande).

 

 

Voltar ao topoVoltar