Início do conteúdo

26/09/2016

SISS-Geo disponibiliza mapa de registros de animais silvestres em tempo real

Equipe CISS


No mapa disponível na página inicial do site do Centro de Informação em Saúde Silvestre (www.biodiversidade.ciss.fiocruz.br) é possível visualizar, em tempo real, os registros de animais silvestres enviados pelos colaboradores do Sistema de Informação em Saúde Silvestre – SISS-Geo, de todo o Brasil.
Ao clicar no tamanduá-folha, que representa cada registro no mapa, pode-se ver fotos dos animais, além da data do registro, quantidade e tipo de animal.
Desde março de 2014 até setembro de 2016, o SISS-Geo soma 963 colaboradores cadastrados, 694 registros, dos quais 471 de animais vivos, 126 mortos, 431 animais com comportamento normal, 21 doentes e 22 estranhos.
Os registros são verificados pela equipe do CISS que avalia sua pertinência aos objetivos do Projeto, que são o monitoramento da saúde dos animais silvestres e a identificação de alertas de doenças antes que acometam as pessoas.
No entanto, os registros de nossos colaboradores são ricos e incluem também borboletas, gafanhotos, moluscos, aranhas, escorpiões, lagartas, formigas, além de animais apreendidos e outros.  
Como esses registros são igualmente preciosos, buscamos agora identificar parceiros que tenham interesse por estes dados e assim, ampliarmos o uso e o compartilhamento de dados da fauna brasileira.

Veja imagens de registros enviados pelos colaboradores

  • Veado visto na Reserva Extrativista Tapajós-Arapiuns
  • Quati visto no Parque Nacional da Serra dos Órgãos - Teresópolis
  • Quati visto no Parque Nacional da Serra dos Órgão - Teresópolis
  • Cotia vista na reserva do Tapajós
  • Mico visto em Niteroi
  • Cotia visto em Santarém - Pará
  • Bicho preguiça visto em Uruçuca - Sul da Bahia
  • Bicho preguiça visto na Reserva Extrativista Tapajós-Arapiuns

Voltar ao topoVoltar